BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP

balaclava-021

BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP
BALACLAVA PROPAGANDA - Agência Digital SP

Balaclava PropagandaAgência Digital

balaclava propaganda agencia digital sp

balaclava propaganda agencia digital sp

Marketing DigitalSão Paulo

Site E-commerceLoja Virtual

balaclava propaganda agencia digital sp

balaclava propaganda agencia digital sp

Site E-commerceLoja Virtual

Site E-commerceLoja Virtual

Site E-commerceLoja Virtual

Comunicação Digital Para Sua Empresa

Disk-Site c/ entrega para São Paulo e região. Ligue 0-800 3613-2193

“CORRA CARAMARADA, O VELHO MUNDO ESTÁ ATRÁS DE VOCÊ.” – Maio 1968, Boulevard Saint Germain

A Balaclava Propaganda é uma agência de publicidade que é o avesso do corporativismo charlatânico.

AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO

Desenvolvimento de websites, campanhas e anúncios virtuais para o mundo moderno.

A BALACLAVA PROPAGANDA oferece serviços de Marketing Digital e Arte em plataformas customizadas para empresas, pessoas e projetos que necessitam de algo a mais na hora de se apresentar ao mercado.
Porque não investir na criatividade de publicitários que pensam no que o seu negócio tem de melhor?

Porque muitas vezes quando uma empresa que se diz detentora integralmente dos conhecimentos, aplicabilidades, mídias e canais da Internet pode parecer uma afirmação bem pretensiosa?
Falar é fácil. Fazer o de sempre, também.

O mundo virtual e todas suas infinitas interconexões é o ecossistema de mercado em maior crescimento e mutabilidade se compararmos com qualquer outro meio de comunicação, transacional, administrativo ou comercial. Seja ele destinado as massas ou a nível pessoal.

Em consequência a isto empresas e poderes internacionais de comunicação, política, entretenimento, economia e jornalismo tomam seu posto e seu espaço nessa rede que contempla a maior quantidade de informações, usuários e também as maiores transações monetárias.
Mesmo tendo conhecimento sobre o impacto da internet no comportamento das pessoas, empresas aliadas ao seu exército de pseudo-técnicos e colaboradores acreditam que conhecem tudo o que seria do interesse do usuário como também ao que eles chamam de “rotina do consumidor”, o que é claramente uma afirmação um tanto quanto presunçosa afinal, com exceção do Google, é bem difícil de se tomar as rédeas da internet e não se deixar levar pela correnteza de fatos & opiniões (na maior parte das vezes vazias ou tendenciosas).

Acredita-se que isso é possível, devido aos relatórios e outros mecanismos de monitoramento que permitem identificar as ações do usuário em tempo real. Mas apesar de todas essas informações, muitos compradores divergem dos padrões, e quando se trata de segmentar e cativar seu público a maioria das empresas erram por optar por certas “Fórmulas” pré-determinadas que funcionam para A, mas não funcionam para B ou C.
O Vocabulário Grego, em português claro…

O que o seu cliente realmente quer?

– Basicamente ele quer que o digam o que fazer.

Sim, essa também é uma afirmação pretenciosa, e assim como a anterior ela tem o objetivo de generalizar e simplificar algo com um oríficio muito mais a diante. O seu cliente quer ouvir que você vai resolver os problemas dele, que seus produtos são ótimos, incrivelmente baratos, não tem e nunca vão dar problema, afinal eles são PERFEITOS. Ele quer ouvir que tudo é um lindo mar de rosas não é? Não.
Esse sistema de interlocução com o cliente era perfeito há alguns anos/décadas atrás, onde a internet não estava na palma da mão de mais de 85% da população ativa financeiramente. Hoje o consumidor não quer mais ouvir o de sempre, pois já sabemos por consenso que não é assim que o mundo funciona. Existem sim problemas e falar abertamente deles por exemplo, pode ser onde você mais vai ter a ganhar.

Balaclava Propaganda|Agência DigitalTelefone: 11 3613 2193 / 3613 2195
Nem tudo na internet são flores e muitas vezes uma grande ideia pode ir pelo buraco.

Nosso desejo por aprimorar o instrumento sócio-virtual e nossos conhecimentos e sentidos em relação a internet ,um meio tão democrático que cresce tão rápido, podem trazer algumas questões delicadas. Afinal quem já não se perguntou se o conteúdo que lia era confiável? ou um produto que poderia ser uma fraude?

Apesar das fórmulas serem úteis, o que realmente se destaca são as inovações que não se restringem a dogmas, barreiras e padrões. A comunicação pela internet é mais rápida, mas sua eficiência está profundamente conectada ao interesse do usuário, seja esse um desejo primário seja algo com longevidade e qualidade. O cliente sempre quer o que pode melhorar sua vida não hoje mas futuramente, quer se relacionar com que há de melhor. Virtual ou materialmente.

E não há nada melhor que aprender coisas novas e enfrentar novos desafios, pode parecer clichê mas é com essa ideia que a internet evolui, sempre ultrapassando barreiras e mudando padrões globais.
Nos são comuns são aquelas coisas que as métricas de resultado não cobrem.

Essa evolução não acontece do nada obviamente, é difícil mensurar e afirmar quantas pessoas estão envolvidas nesse processo evolutivo. E não são só os desenvolvedores que estão participando desse processo, você também está junto, a cada crítica a cada vez que você opta por um serviço e produto melhor, cada vez que você contribui direta ou indiretamente para que algo tenha mais voz, maior alcance e um julgamento de valor melhor.

Pode parecer que as vezes sentados na frente da cadeira em frente ao computador estamos sozinhos, mas isso está longe de ser verdade o mundo pulsa e comunica pela internet, nada mais justo que se posicionar como um constante aprendiz da mesma, afinal o que está por vir?

Quem entende e fala sobre algo que a noite deixou de ser o que era pela manhã?

O pior inimigo do progresso é a ilusão do conhecimento.

Quando paramos para pensar, notamos que as grandes lojas são um pouco como os museus.

A inteligência artificial se define como o contrário da estupidez natural.
Sempre sonhei com um computador tão fácil de usar como um telefone. Meu sonho se realizou: não sei mais como usar meu telefone.

rs – Records & Studio

Marketing digital com consciência.

Não deixe sua intuição de lado: a internet não é um bixo de 7 cabeças.

A ação do consumidor digital é muito pessoal e momentânea, como se tudo girasse ao redor do momento exato que o seu cliente está em navegação.
É nessa hora que entra o E-marketing. Normalmente a pessoa que está procurando algo na rede está de cabeça aberta e disposta a clicar em qualquer coisa (e fechar qualquer coisa também) que ela ache relevante para sua busca ou que se identifique naquele momento, mesmo sem estar buscando nada específico.

Sobre o E-Marketing, entendemos o que está pensando. Fazem críticas ao linguajar técnico mas utilizam esses termos? Bom basicamente a crítica é destinada ao uso desses termos para convencer o cliente de que você conhece o assunto, e ele não. A situação é mais ou menos como um pau de selfie, tudo bem se você quer usar; mas não ache que as pessoas vão achar legal.

Funcionalmente o marketing na internet tem o objetivo de posicionar a marca, através de um contato com o seu cliente específico em 1ª ou 3ª pessoa.
Isto é, podemos dividir a relação virtual com o cliente por meio de um contato pessoal com a marca, através de redes sociais e uma comunicação mais direta com o consumidor ou por meio de uma “Vitrine de Ideias”, que é um diálogo mais indireto e normalmente a opinião final é tirada pelo próprio usuário da internet.

O objetivo da Balaclava é ajudar sua empresa a entender melhor como dialogar com o consumidor virtual. Para isso é necessário que tenhamos em mente que infelizmente, somos apenas um entre bilhões de dados movimentados na internet todos os dias, e é preciso fazer algo diferente do padrão para ter sua marca salientada no imaginário das pessoas.

Marketing DigitalSão Paulo

Site E-commerceLoja Virtual

balaclava propaganda agencia digital sp

balaclava propaganda agencia digital sp

Site E-commerceLoja Virtual

Site E-commerceLoja Virtual

1990’s

balaclava propaganda agencia digital sp

balaclava propaganda agencia digital sp

Balaclava Propaganda|Agência Digital Telefone: 11 3613 2193 / 3613 2195
Como abordar a internet sem restrições?

É necessário fazer uma análise de mercado, a nível de gostos pessoais, atitudes e comportamentos das pessoas que compram ou poderiam comprar seu produto, e até das que não comprariam em hipotese alguma.

Em todos os casos pode haver uma oportunidade nas entrelinhas. É claro que o uso eficaz das ferramentas de e-marketing direto ou indireto implica em inúmeros testes, avaliações e pesquisas, mas na realidade o objetivo deste texto é:

Demonstrar ao empreendedor que fazer uso da internet e seus meios é muito mais que somente utilizar uma ferramenta, anexando, postando e compartilhando palavras e conteúdo de forma aleatória.

Douglas já tentou de tudo, mas pelo jeito sua padaria não anda nada bem…

Negócios Reais

balaclava propaganda agencia digital sp

balaclava propaganda agencia digital sp

Vamos pensar assim: Você vende pão. Sua padaria é muito boa, e você é conhecido no bairro por todos os pais de família do bairro como o Douglas da Padoca. Mas as vendas já não são como antes. Todos agora vão no Subway que abriu na rua de baixo e você está triste afinal já gastou dinheiro em gráfica, site e até pagou um menino para fazer anúncios no Google, mas nada traz de volta os tempos dourados da sua Padoca.
Então você começou a perceber que talvez todo esse “investimento” não estava valendo a pena, e que esse negócio de Google e Site não muda nada para sua empresa e é melhor ficar sem mesmo para ter menos trabalho. Bom, depois desta experiência conturbada é possível entender mesmo que sua confiança nos meios digitais podem estar meio abaladas. MAS, algo podia ser diferente nessa história…

Bom vamos lá, voltando ao dito E-Marketing em 1ª e 3ª pessoa. É FATO que sua padaria é frequentada por pais de família, e É FATO que sua padaria é em Itaquera, então de cara poderiamos utilizar estratégias de comunicação baseadas neste público específico, para ampliar ainda mais seu impacto dentro deste nicho de “Pais de Família na Região de Itaquera”, e promover um aumento real de consumo no seu empreendimento.
O Problema de muitas vezes os investimentos em internet não trazerem retorno, é que muitas vezes falta um pensamento estratégico para direcionar e atingir o seu público alvo, e pior ainda, muitas vezes o investimento é simplesmente “jogado fora” através de um conteúdo pago irrelevante, como uma rede social que só posta frases de impacto do Albert Einstein com uma foto de um sanduiche, ou de anúncios no Google que desperdiçam os tão valiosos cliques com anúncios do tipo: “Padaria do Douglas – Pães em Itaquera, ligue já”.

Mas voltando a sua padaria, como poderiamos fazer diferente?

Simplificando o processo a nível explicativo, vamos pensar mais sobre o seu público de pais de família em itaquera. Como você sabe eles tem esposas e filhos, são em maioria fãs de futebol, gostam de pagode e churrasco, compram pão no período da manhã e levam para comer em casa com a família. Mas este público infelizmente não entra na internet. Já viu o seu Edylson navegando no Google? Quem entra é a mulher dele, pois das 14h às 16h depois do almoço ela fica em casa esperando a hora de buscar os filhos na escola. Então já temos uma direção a seguir.

balaclava propaganda agencia digital sp

balaclava propaganda agencia digital sp

Pensando em anúncios patrocinados, ou na linguagem do seu Website ou Facebook as estratégias de comunicação devem ser focadas nesse público secundário, ressaltando o fato que o a Padaria do Douglas tem pão para diversos tipos de receitas, tem pão integral do Corinthians para toda a Família, que quem mora em Itaquera tem desconto na compra, pais de estudantes tem desconto… São tantos aspectos que devemos considerar para fazer uma comunicação de impacto, que é por isso que dizemos que é preciso respeitar mais a força das mídias digitais ao invés de ficar brifando o workflow do job…

balaclava propaganda agencia digital sp

balaclava propaganda agencia digital sp